Senador Canedo disponibiliza serviço de sanitização veicular para táxis e carros de aplicativos

Ação faz parte de uma série de medidas adotadas pela prefeitura para conter o avanço da Covid-19 no Município

Para diminuir os impactos causados pela pandemia do novo Coronavírus, a Prefeitura Municipal de Senador Canedo, por meio da Secretaria de Saúde e Secretaria de Infraestrutura, Seinfra, tem investido na sanitização veicular do Município. O serviço, que já vinha sendo realizado na frota da prefeitura e carros de visitantes do paço, será disponibilizado a partir de hoje, 18 de março, para táxis e carros de aplicativos.

A sanitização de veículos é executada com bombas nebulizadoras, seguindo todos os protocolos de segurança. Antes de iniciar o projeto, os profissionais, que são ligados à secretaria de infraestrutura, participaram de um curso que teve como tema principal a descontaminação de ambientes de trabalho. Além disso, foram passados conhecimentos sobre os principais descontaminantes a serem utilizados, os método de diluição da solução, EPI’s necessários, cuidados ao equipar e desequipar ao atuar na descontaminação, dentre outros assuntos.

Para o superintendente de infraestrutura da Seinfra, Ricardo Camargo, as substâncias utilizadas na limpeza não afetam o motorista e não causam defeitos no veículo. “É importante reforçar a importância da sanitização e que o produto utilizado não é inflamável ou corrosivo e não deixa manchas ou odores. Sendo assim não causa perigo ao local da aplicação”, disse.

Para ter acesso ao serviço, o interessado deverá comparecer ao pátio da prefeitura de segunda a sexta-feira, das 08 ás 16h, ou ligar para o número 3532-2402 para maiores informações. A Seinfra, juntamente com a Secretaria da Saúde, tem atuado para reduzir os índices de transmissão do novo Coronavírus em Senador Canedo. “É importante reforçar a necessidade do distanciamento social, evitar aglomerações, além do uso constante de álcool em gel se estiver na rua, ou lavar as mãos com água e sabão sempre que possível. Fique em casa, evite aglomerações e use máscara”, pediu o superintendente.