Estudantes realizam sarau poético em homenagem aos artistas goianos

A XII edição do Sarau de Poesias aconteceu na tarde desta quinta-feira, 9, na Escola Municipal Izabel de Matos e contou com a presença de alunos do 2º ao 9º ano e convidados. A poesia é um gênero literário que costuma encantar as pessoas. A ideia é inovar, apresentando a poesia aos alunos como uma ferramenta para auxiliar na alfabetização. Os artistas  homenageados este ano foram Cora Coralina, Antônio Porteiro e Marcelo Barra.

Os alunos estavam inseridos em um cenário montado na quadra de esporte da unidade, com imagens e palavras que ilustravam os poemas. Os alunos trabalharam a produção oral, na forma de declamações de poemas. Além das poesias os convidados prestigiaram apresentações de balé, dança e apresentações  musicais.

Segundo a organização, a cada ano o resultado do sarau tem sido positivo, os alunos se encantam pelo gênero. Entre os convidados, estavam o secretário Municipal de Educação, Sérgio Gomes que afirmou que eventos como sarau representa o mais genuíno papel da escola, uma vez que faz com que os alunos possam aprimorar seu potencial de literatura, escrita e de expressão do saber. “Percebemos o excelente  trabalho dos professores de propiciar aos estudantes o contato com a cultura e literatura. A escola e os docentes estão de parabéns, eles conseguem ano após ano a possibilidade de um mesmo evento educativo ser aprimorado”, conclui.

Para diretora Zenilda Socorrro, eventos como esse afloram a sensibilidade dos alunos para a leitura. O que demonstra que o projeto tem sido bastante positivo, pois além de dar excelentes frutos, como este Sarau, cumpre com êxito o propósito da educação.  “A ideia da escola há 12 anos quando iniciou esse projeto, é, incentivar a atividade cultural na escola de forma interdisciplinar, com o objetivo de estimular os alunos a oralidade, o senso crítico e, sobretudo, a boa leitura e a escrita.

A aluna Roberta Ribeiro do 9º ano  diz que o  projeto ensina aos alunos a ter o gosto pela leitura, pela cultura do Estado.

A professora Beronilza Pereira, diz que temos que olhar para a cultura como uma forma criativa de fazer uma educação de qualidade. “O nosso trabalho é fazer com que os alunos descubram sua sensibilidade, inserindo-os no seu contexto social, com uma visão crítica e motivadora para o processo de ensino e aprendizagem. Todo envolvimento com a literatura é muito importante. De um lado resgata a prática do sarau literário, apresentando aos alunos uma forma de expressão artístico-literária que, talvez, não seja muito comum a eles. Por outro lado os alunos encontram uma maneira criativa e envolvente de trabalhar com poesias”, afirma.

 

Newer post older post home february 20 , 2014 the academic language employed in scholarly journals and scientific manuals is radically different from the casual variety you come across www.resumecvwriter.com/ everyday in blog posts and newspaper articles.